França suspende por 6 meses aumento de impostos sobre combustível

(Foto: AFP)

PARIS- O governo francês suspendeu por seis meses aumentos previstos para três impostos sobre combustíveis, em resposta a protestos nacionais contra os altos preços nas bombas e o elevado custo de vida, anunciou nesta terça-feira, 4,  o primeiro-ministro Édouard Philippe.

“Essa raiva, você precisaria ser surdo ou cego para não vê-la ou ouvi-la”, disse Philippe, anunciando as mudanças que entrarão em vigor a partir do dia 1º de janeiro.

“Os franceses que vestiram coletes amarelos querem que os impostos caiam e que o trabalho pague. Isso também é o que nós queremos. Se eu não conseguisse explicar isso, se a maioria governista não conseguisse convencer os franceses, então algo precisa mudar”.