Câncer devastador mata popular empresário brasileiro de Everett

Orlando comentou com amigos que não acreditava no diagnóstico dos médicos que previam apenas três meses de vida Foto: arquivo pessoal

Everett – O brasileiro Orlando Guimarães, de 52 anos, morreu na terça-feira, 1, depois de lutar contra um câncer devastador que atingiu seu fígado. A doença havia sido identificada em novembro de 2018 e no sábado, 29, ele havia sido internado em estado grave no Boston Medical Center.

Orlando era diácono da Revival Church for the Nations e há mais de 10 anos mantinha um escritório de na Broadway de Everett para envio de remessas de dinheiro para o Brasil.

Amante do futebol, Orlando jamais escondeu sua paixão pelo Flamengo e pelas boas conversas nos restaurantes brasileiros da Grande Boston.

Amigos criaram uma campanha online para arrecadar fundos para seu funeral marcado para o sábado, 5, às 10 da manhã, na Campbell Funeral Home (525 Cabot Street, em Beverly).

Ele deixa viúva Márcia Guimarães; o casal não teve filhos.